Parto Normal: Eu Incentivo! – por Daiane Signor

Vamos começar a semana com um depoimento lindo e encorajador da nossa querida amiga e leitora Daiane Signor!

Se você está na dúvida sobre qual o tipo de parto irá escolher, sente curiosidade e deseja o parto normal, mas sente medo, esse Post irá lhe ajudar! Vamos nos inspirar…

 

Parto Normal: Eu Incentivo! – Minha experiência:

 

“Uma história linda, que narra o melhor primeiro encontro que nós mulheres podemos ter na vida: a chegada de um filho!

Resolvi escrever, pra compartilhar a minha experiência maravilhosa do parto normal, para assim encorajar mais mulheres a viver sem medo esse momento especial, pois realmente foi o momento mais especial da minha vida.

Bom, a vida toda eu falei que nunca faria cesárea, ao contrário da maioria das mulheres eu tinha e tenho verdadeiro pavor da cesárea, aquele medo de ser cortada, aberta, e praticamente arrancarem o bebê lá de dentro, isso sempre me dominou. Me parecia (e é) invasivo, agressivo, abrupto demais, principalmente com o bebê.
Quando eu dizia que queria parto normal, as pessoas se chocavam, como se fosse algo muito fora do comum. Infelizmente hoje em dia é assim: o normal é fazer cesárea! Eu sempre tive um grande desejo pelo parto normal, joguei ao universo o meu desejo e Deus me atendeu!

 

Parto Normal Incentivo

 

Na 32ª semana de gestação comecei com contrações, fiquei em repouso e tive que me cuidar até as 37ª semana, até o Joaquim não ser mais considerado prematuro.
Na 38ª, numa quinta-feira, fui fazer a consulta semanal e as minhas contrações (presentes desde a 32ª semana), aumentaram na sala de espera, as 17 horas, mas nem eu e nem o Dr. demos muita atenção, pois eu era a “Maria das dores” e tinha contrações o tempo todo. Então, fiz a consulta de rotina e fui para casa, as dores aumentaram, tomei um banho e fiquei deitada. liguei para o meu marido e disse para ele vir pra casa, pois se acontecesse algo eu precisaria dele.
Das 19 horas fiquei deitada até umas 21 horas, levantei, comi por obrigação, deitei novamente e as 23:45 na cama, minha barriga fez um barulho bem legal, um “ploc”, estourou a bolsa, hora de ir pro hospital!
Nesta hora eu tive a certeza que a hora tinha chegado e que não era mais um alarme falso. Cheguei no hospital e uma enfermeira muito legal e carinhosa fez minha avaliação (ela praticamente foi minha doula, ficou comigo e me ajudou o tempo todo), faltava bastante ainda, pois eu estava com pouca dilatação.
As 2h da madrugada o Dr. chegou e eu estava com muita dor, pois eu tinha ligado o ar condicionado praticamente em zero graus, porque as contrações dão calor, mas o frio fez os meus músculos contrair também, então a dor aumentou.
Quando pensei em desistir, por estar tensa e não aceitando a dor, meu médico me encorajou e se opôs em fazer cesárea, pois eu estava evoluindo bem e já havia passado por metade das dores, não valia a pena desistir. Foi ai que o Dr. me aconselhou a ir para o banho quente, para relaxar os músculos. Assim, abri a mente, relaxei e aceitei as dores, e tudo ficou mais suportável.
As 5h o Dr. voltou ao quarto, estava quase na hora, eu estava com 8 dedos de dilatação, faltavam 2, quase!!!
As 6 horas da manhã eu estava pronta, pedi pra enfermeira me levar pra sala de parto, pois senão eu iria ganhar no quarto. Resolvi ir andando, sempre corajosa e sem medo nenhum, chegando na sala de parto, me posicionei o Dr. me instruiu e o parto foi muito rápido, durou aproximadamente uns 10 a 15 minutos.
Foi lindo e mágico, é muito gratificante. Peguei meu Joaquim na hora nos meus braços, conversei com ele, foi lindo!

Parto Normal Incentivo

Após o parto, voltei andando para o quarto, super bem, sem dor, nem parecia que eu era uma gestante a minutos atrás.
Digo que valeu muito a pena, por tudo. Seja pela recuperação, porque no mesmo dia já tomei meu banho sozinha, fiz praticamente tudo normalmente, ou por provar pra mim mesma que eu sou forte a esse ponto, mas, acima de tudo, pela alegria de trazer meu filho ao mundo no dia e na hora que ELE quis chegar.
Uma coisa interessante foi que eu praticamente virei “celebridade” no hospital! “Você foi a que fez parto normal?!” Foi o que mais ouvi das enfermeiras. Fora do hospital a reação as pessoas também foi muito legal, amigos e familiares dizendo que estavam muito orgulhosos de mim.

 

Parto Normal Incentivo(Uma foto que inspira e descreve esse momento lindo: aconchego e muito amor nos braços de uma mãe!)

 

O que eu não entendo é porque tanto medo da dor? Ninguém morre de dor, e ela vai acabar e você vai ter um troféu nos braços, tudo valerá a pena. Eu não tento convencer ninguém a ter um parto normal. Eu conto a minha experiência e espero com ela, inspirar outras pessoas a tentarem o parto normal, a perderem o medo. Ajudar a desmitificar algumas coisas.

Eu respeito (e falo aqui de respeito como ser humano, respeito ao próximo) quem escolhe fazer uma cesárea, porque afinal, cada pessoa tem o direito de fazer suas próprias escolhas. Cada um sabe dos seus medos, dos seus anseios. Cada um sabe da sua vida.

Meu conselho é: se informe, converse, troque figurinhas, leia relatos, procure bons profissionais e maternidades/hospitais e o mais importante: não deixe de tentar um parto normal apenas por medo da dor . Na cesárea também há dor na recuperação, desconforto durante o operatório e por aí vai.
Dor nós enfrentamos a vida toda, todos os dias. Amor e dor andam lado a lado, em todos os aspectos da nossa vida. A dor é sim imensa, mas suportável.
Essa dor, a dor do parto, é diferente. É uma dor que traz algo novo, que traz a maior felicidade que você já havia tido até aquele momento. Todas nós nascemos preparadas para o parto e a mãe participa ativamente do nascimento do seu filho” (Daiane Signor).

 

Parto Normal Incentivo(Joaquim lindo e perfeito na primeira semana de vida)

Parto Normal Incentivo

Parto Normal Incentivo(Muito fofo fazendo charme, príncipe lindo!)

 

Parabéns família linda pelo filho perfeito e por todo esse amor que vocês expressam, vivem e oferecem para esse lindo e pequeno ser. Joaquim tem muita sorte em tê-los como pais!

 Parto Normal Incentivo

 

Obrigada Daia, por dividir esse momento mágico da sua vida com a gente! Fiquei muito emocionada com o seu depoimento. Obrigada também, por ter me ajudado a superar algumas coisas mesmo sem saber!

 

Esse Post é mais um da série: “Conte-nos suas experiências”. Envie-nos a sua história também!

 

Beijinhos!



2

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Lyandra AgrizziMichelle Mozy Recent comment authors
mais novos mais antigos mais votados
Michelle Mozy
Visitante
Michelle Mozy

Que lindo!
Tbm tive o parto normal a quatro meses atrás e não me arrependo, que venham outros rsrsrs… Eu tbm me senti uma celebridade no hospital rsrsrs…
Parabéns pela iniciativa, precisamos de depoimentos assim, encorajador.
O que me deixa extremamente triste é a falta de profissionais “dispostos” a nos orientar de forma adequada e nos incentivar a essa prática.
Um grande “Xero” a todas as mamães e futuras mamães.

Lyandra Agrizzi
Visitante

Que relato lindo!!!
Realmente me encoraja mais ainda em ter um parto normal…
Beijos!!
http://www.amandomecasar.com.br