Presente de dia das Mães? (Homenagem)

Hoje, quando me conectei com o mundo e vi as milhares de propagandas, na tv, na internet, as várias dicas de presentes e mensagens, acabei me dando conta de algumas coisas que envolvem esse G R A N D E dia.

É o meu primeiro dia das mães, mas há anos vivencio essa data com grandes preparações: presente, café na cama, flores, cartões, surpresas, eu “te amos” todos os dias que antecedem a data, enfim, tudo para agradar a minha grande rainha (te amo mãe!).

Porém, esse ano as sensações, os desejos, as expectativas mudaram. Não estou dizendo que eu não me preocupo mais com a minha mãe (jamais), mas esse ano EU sou a rainha de alguém. Esse ano sou eu quem chora em todas as propagandas (que as empresas fazem para destruir o nosso coração), esse ano sou eu quem vai ganhar café na cama (quem sabe?), esse ano é a minha vez!

Ao mesmo tempo, somente hoje eu entendo e compreendo o que a minha mãe sentia, quando me dizia, quando me proibia, quando me ensinava. Somente hoje eu entendo da forma mais “nua e crua” a famosa frase “você só entenderá quando for mãe”, e isso é a maior verdade desse mundo, convenhamos!

Nenhum livro, nenhuma faculdade, nenhuma avó, nenhuma tia, nenhuma prima, nenhuma vizinha, nada e nem ninguém é capaz de nos ensinar como ser mãe. A gente aprende no dia a dia, errando, acertando, testando, virando, brincando, chorando, não dormindo, conhecendo. Aprendemos que muitas vezes não depende de nós, aprendemos a agradecer muitoooo mais do que pedir, aprendemos a não julgar, aprendemos o significado daquele ditado “cuspir pra cima” (pelas trilhões de bobagens que falamos antes de sentir na pele o que é ter um filho).

Aprendemos a comemorar mais, aprendemos a valorizar o nosso tempo (oh, como aprendemos!) e a valorizar as coisas mais simples, como tomar um banho tranquilo. Aprendemos que somos muitoooooo (desculpe a palavra) “f….”, que somos muitooo guerreiras (mãe ama essa palavra), aprendemos que somos muito mais fortes do que sonhávamos e capazes de fazer qualquer coisa com um bebê (de 10kg) pulando no colo.

Percebemos que depois que os nossos filhos nascem, existe sim uma pessoa mais importante do que nós, mais importante do que os nossos cabelos, nossas roupas, colares, brincos, sapatos, maquiagem, espelhos, filmes, restaurantes, baladas, mais importante do que “o nosso próprio nariz”. E que aquela frase “você precisar pensar mais em você” ouvimos, concordamos e pensamos: “Tah bom!!!” (“não sabe de nada inocente hehe”).

Percebemos que a vida é muito diferente depois que temos um filho, que as pessoas mudam com a gente (ou somos nós que mudamos com as pessoas?). Percebemos que tudo é muito relativo e muito pequeno perto da nossa missão de criar outro ser humano. Percebemos que somos muito mais completas, mais responsáveis e mais felizes.

Acabamos sentindo mais medo, mais ansiedade, mais preocupações, mais dor nas costas, mais felicidade, menos vontade, mais sono, mais afeto, menos paz, mais amor, menos tempo. Acabamos entendendo o real e verdadeiro sentido da vida, o que significa amar e ser amado. Acabamos nos tornando melhores em tudo que fazemos, porque afinal, somos mães e mães sabem tudo, Sério, sabem mesmo! (e nos tornamos mais modestas também hehe).

Então, hoje eu me dei conta do que realmente significa o DIA DAS MÃES, entendi porque os papais ficam tão nervosos e ansiosos para acertar no nosso presente (essa parte é ótima). Porque todas as lojas querem nos dar descontos (sério!), porque os salões de beleza lotam, porque o mundo quase para. Entendi porque essa data se tornou tão comercial, mães raramente podem ou querem comprar algo para si e esse é o dia perfeito para ser mimada, para ser valorizada, pois as pessoas percebem (mesmo que as vezes não pareça) tudoo que fazemos durante 24 horas (e as vezes os dias se emendam e duram 48h).

Eles sabem que todas nós tentamos fazer o melhor e o impossível todos os dias pelos nossos filhos, trabalhando fora ou em casa (SIM, as mães não ficam tomando chimarrão e assistindo sessão da tarde a tarde toda como muitos pensam, elas “ralam” o dia todoo). Eles sabem e percebem todo o nosso escorço e de alguma forma querem nos recompensar e afinal, presentes foram feitos para isso!

Mas, dentro de toda essa realidade comercial, tentei descobrir qual o presente que eu gostaria de ganhar de dia das mães, o que eu mais desejava? Qual o presente de dia das mães ideal?

Um brinco? Uma roupa? Uma pulseira (com o nome do Francisco), um perfume? Uma bota! Mas, não, nada despertava aquelaaa vontade (e olha que eu sou uma pessoa que ama ganhar presentes, leonina), mas nenhum objeto/presente este ano me fez sentir que compensaria o dia das mães.

 

Resolvi escrever alguns rabiscos para o meu filho, para poder lhe explicar as minhas atitudes e tentar entender como eu estou me sentindo nesse dia tão especial, esse misto de emoções, essa loucura que é ser mãe! 

Quem sabe assim eu descubro o meu presente…

 

Meu filho, eu sei que às vezes você me acha estranha, pois todas as vezes que eu te olho, eu sorrio, como uma BOBA! Mas você sabe por quê?

Quando isso acontece significa que um filme está passando pela cabeça da mamãe, fico lembrando do dia em que eu fiz o primeiro teste (de sangue) de gravidez e o resultado foi NEGATIVO e eu tinha CERTEZA absoluta de que estava grávida de você, eu já sentia você em mim, eu já sentia o maior amor do mundo se desenvolvendo no meu corpo. Lembro que chorei quase 24horas, porque eu tinha certeza (mesmo as pessoas achando que a mamãe estava louca hehe… o papai era o único que sabia e me tranquilizava), eu tinha certeza de que eu teria você! Depois de 5 dias (e depois de 3 testes de farmácia e mais 1 de sangue), finalmente veio o tão esperado POSITIVO. Eu juro para você meu filho, foi o dia mais feliz da minha vida!

Hoje, quando eu olho para você eu quase nem acredito, eu penso: “Meu Deus, ele cresceu e se formou dentro de mim, com o meu Sangue, dentro do meu corpo!” Como as pessoas conseguem duvidar da existência de Deus? Eu tenho certeza que os filhos são a maior prova de que ele existe!

É algo que todo mundo acha comum, gerar um bebê, mas você já parou para analisar o que significa gerar um filho? Um ser humano criado dentro do corpo de outro, alimentado pelo próprio leite da mãe, que naturalmente surge quando o bebê nasce?

Filho, é muito mágico e emocionante pensar que exatamente tudo que você precisa está em mim, na sua MÃE. Eu fui a sua fonte de vida (dentro e fora da barriga), eu sou a sua fonte de amor, o seu “porto seguro”. Sou eu quem irá te ensinar as coisas da vida, que te ensinará a falar, a andar, que te ensinará a dar “oi” e “tchau” para quando o papai sair para trabalhar você entender que às vezes a gente precisa ir e voltar e não ficar triste.

Eu serei aquela que irá te ensinar a tomar banho sozinho, a ir no banheiro, serei aquela que te ensinará a respeitar os outros e os animais. Eu serei aquela que te ensinará a dividir os teus brinquedos, que te ensinará coisas simples, mas também coisas muito complexas como amar. Que esperará do lado de fora da escola (orgulhosa por você estar ficando independente) no seu primeiro dia de aula. Serei aquela que chorará ao seu lado quando o teu coração for partido pela primeira vez e serei aquela que suspirará ao seu lado quando você encontrar o seu primeiro amor.

Serei aquela que irá preparar um jantar (muito ansiosa) para conhecer o amor da sua vida, serei aquela que chorará no seu casamento e no dia em que o seu filho nascer (se assim você escolher). Serei aquela que todos os dias pensará em você, serei aquela que ficará acordada todas as noites esperando você chegar, serei aquela que te falará muitos nãos, sim, eu falarei! Mas, também serei aquela que apoiará todos os teus sonhos e sempre, mas sempre estará batendo palmas em cada uma de tuas conquistas.

Filho, eu sei que talvez é difícil para você entender porque a mamãe chora quando você descobre qualquer coisa nova, porque ela comemora tanto um simples “passinho” ou um gesto de não com a cabeça.

Eu sei que é difícil para você entender porque eu me “derreto” toda quando você babucia “Mah” e “Papah”, algo tão pequeno. Mas, acredite filho, nada é tão gostoso quanto esses sons para mim. Eu sei que é muito difícil para você entender porque um simples sorriso seu, muda, transforma e melhora o dia da mamãe e mesmo que ela esteja morrendo de sono, de cansaço ou fome, ela ainda estará feliz.

Eu sei que pareço louca por te achar a criança mais inteligente e curiosa do mundo quando você pega um brinquedo nas mãos e vira, vira, observa e no final escolhe o melhor lado para morder. Eu sei que é difícil entender porque a mamãe sorri emocionada quando você despensa o colo de todas as outras pessoas pelo meu, quando ergue os seus bracinhos lindos me chamando e fazendo aquela expressão que nada no mundo é melhor, mais aconchegante e gotoso que o MEU colinho.

Você faz com que eu me sinta uma verdadeira rainha todos os dias, cheia de amor, de carinho, de mordidas no queixo. Você me faz sentir especial, que eu sou única, que você sempre correrá para esse colo quando precisar de alguma coisa. Muitas vezes eu me sinto a pessoa mais importante do teu mundo e devo confessar, eu adoro isso!

Filho, ser mãe é uma loucura mesmo, um misto de sentimentos, de emoções, desde a tua gravidez, até hoje é, todos os dias. Eu lembro que no dia em que você completou 10 cm, eu cheguei em casa louca para medir o que eram 10 cm e eu pensei “NOSSAAAA 10 cm, que grandeee!”. Cada cm, cada grama que você crescia eu ficava absurdamente boba e encantada, cada mexida sua na minha barriga, e a primeira então? O segundo dia mais feliz da minha vida!

Ser mãe filho, também, é contraditório, pois às vezes eu preciso te ensinar algumas coisas e mesmo sabendo que estou fazendo o certo eu sofro, pois eu queria poder te falar apenas sim e sim e sim, mas infelizmente a vida te falará não muitas vezes e você precisa aprender que nem tudo é da forma que a gente deseja, mas ao mesmo tempo eu vou te ensinar que sonhos foram feitos para serem realizados e se depender de mim, você alcança o impossível!

Filho, eu acho que você não sabe, mas quando você vai dormir todas as noites, eu fico feliz que você está bem, descasando, que a mamãe tem um tempo só para ela, mas preciso te contar, assim que você dorme a casa fica vazia! Eu já sinto saudades, fico olhando os teus brinquedos pela casa, separando as tuas roupinhas para lavar e sentido o teu cheirinho. Sento para trabalhar ou para fazer qualquer outra coisa e fico olhando as tuas fotos, por um longo tempo, mesmo depois de ter passado o dia todo com você. Mas, você sabe por quê?

Isso é algo que a mamãe não pode e não consegue te explicar, você só entenderá quando tiver filhos! Essa loucura toda é a coisa mais linda que já aconteceu na minha vida, você foi capaz de mudar muitas coisas que a mamãe acreditava serem reais e muito importantes, você mudou a minha vida! Você transformou o meu mudou!

Filho, eu sei que você ainda não entende muitas coisas, que você se quer consegue ler o que eu estou te escrevendo, mas eu sei que você sente cada palavra, cada gesto, cada cuidado meu. Eu sei que você quando dorme também procura o meu cheirinho e quando acorda sou eu quem você quer encontrar. Eu sei que quando você nasceu ficou tão feliz quanto eu em me sentir, em receber o meu beijinho, o meu abraço. Eu sei que sou a sua vida, como você é a minha.

Filho, eu sei, do fundo do meu coração que eu realmente pareço louca às vezes, pois não é normal alguém conseguir dar tantos beijos por dia, e eu tenho plena consciência de que 50% do nosso dia só existe para eu dizer que te amo, mas meu filho, eu quero que você saiba que faz parte do meu corpo, parte da minha alma, que tudo que você sente EU SINTO EM DOBRO! E eu só descobri o que significa abrir mão de tudoooooooo espontaneamente por outro ser humano depois que você nasceu. Eu só descobri o que é amar no sentido mais puro da palavra quando te segurei pela primeira vez em meus braços! Então filho, se você me perguntar o que eu mais desejo ganhar de dia das mães eu te direi: NADA, pois com certeza eu já tenho TUDO!

presente de dia das mães

Te amo!

 

Mamãe(s):

Saiba que você é a melhor e mais incrível mãe desse mundo, que você faz tudo certo e da maneira perfeita, pois faz com amor e cuidado.

Saiba que hoje é o seu dia porque você merece ser amada, mimada e lembrada, saiba que você é tudo na vida de alguém e que esse alguém te ama mais do que tudo.

Mãe, não permita JAMAIS que alguém te diga que você não sabe o que é melhor para o seu filho, não permita ser julgada e nem questionada. Para ser mãe não existe um manual, não existe o certo e o errado, existe apenas amor, pele, cheiro, instinto e coração!

Que hoje o seu dia seja incrível e lindo como o meu está sendo! Aproveite para curtir da maneira mais intensa possível, pois nós somos os seres mais incríveis que Deus já fez, nos deu a capacidade de gerar vidas, a vontade e o instinto de mãe, aproveite, comemore!

E claro, não esqueça de agradecer pelo filho/filha maravilhoso(a) que você tem (mas isso com certeza você já faz todos os dias).

 

Feliz dia das mães, daquela que te respeita e é exatamente igual a você, puro amor!

 

presente de dia das mães

 

Beijinhos!

 




2

avatar
1 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Ana SilvaCláudio Recent comment authors
mais novos mais antigos mais votados
Cláudio
Visitante

Nossa! Lindo o texto! Feliz dia das mães!