Relação saltos de desenvolvimento e o sono

Relação saltos de desenvolvimento e o sono

Os saltos de desenvolvimento são períodos que causam uma mudança repentina no comportamento dos bebês e coincidem com os marcos de desenvolvimentos típicos da idade.

Os bebês que dormem bem podem não ser tão afetados na noite, mas podem dormir mal nas sonecas, chorar para pegar no sono (algo que não faziam mais), acordar algumas vezes chorando ou acordar em noites alternadas (algumas noites acordam e outra não).

Podem também passar algumas horas acordados e voltar a dormir sozinhos. Em alguns momentos a família sentirá que o seu bebê regrediu ou “desaprendeu”, mas saiba que isso é normal.

Os bebês que estão aprendendo a dormir podem demorar um pouco mais para apresentar resultados, mas se a família continuar consistente nos seus ensinamentos logo aparecerão (junto com o final do salto).

Os bebês que não têm rotina e não tem uma boa higiene do sono (acordam a noite toda ou não dormem bem nas sonecas) serão os mais afetados, pois além de acordarem mais a noite, as mamães ficarão mais cansadas, inseguras, assustadas piorando a situação.

É importante ressaltar que isso faz parte do desenvolvimento saudável do bebê, a chave para ultrapassar esse momento é: muita paciência, consciência para não perder os ensinamentos e muita, mais muita confiança.

 

Principais saltos

Todos os saltos são difíceis para a família e para o bebê, mas a maioria das mamães relatam que existem alguns mais longos e mais difíceis de lidar. Inclusive, são saltos que as crianças mais adquirem habilidades ao mesmo tempo:

4 meses – Momento que inicia uma transição importante no padrão da rotina e do sono. Inicia a aquisição do rolar durante a noite;

8 meses – Muitos desenvolvimentos motores que traduzem longas noites de treinamento, ficar em pé, engatinhar, etc;

12 meses – Grandes mudanças cognitivas, os bebês começam a treinar o caminhar. A noite acordam muitas vezes agitados e ansiosos querendo reviver as experiências novas;

15 meses – Os bebês começam a impor mais as suas vontades e esse salto pode se tornar um período desafiador para a família.

Lembrando que isso pode ser diferente em cada família, é apenas uma média do que ocorre.

 

Entenda mais sobre esses detalhes e sobre o assunto (todos os meses e informações completas), também como estimular o bebê em cada mês no meu “Guia dos Saltos e Marcos de desenvolvimento”. Leia abaixo sobre ele:

 

Guia dos Saltos e Marcos de Desenvolvimento:

  • Nele você aprenderá como lidar com o sono e com a rotina do bebê durante essas crises;
  • Entenderá em detalhes o que são saltos, quando ocorrem e como identificá-los (por meio de uma tabela extremamente detalhada para você acompanhar todo mês o desenvolvimento do seu bebê). Também, irá entender quanto tempo duram as crises e de que forma afetam o bebê;
  • Irá aprender a identificar o que são picos de crescimento e quanto tempo duram cada um;
  • Aprenderá como incentivar e estimular o bebê em cada idade, de 0 a 3 anos;
  • Conhecerá os principais sinais de alerta do desenvolvimento da linguagem;
  • A sequência do desenvolvimento de várias habilidades motoras (1 mês a 12 anos);
  • Entenderá o papel do estímulo e do brincar no desenvolvimento infantil. Ou seja, diversas informações importantes sobre o desenvolvimento na primeira infância.

Até mais:

 

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments